Perguntas e Respostas II

Situação do Clube neste momento de pandemia.

Como a pandemia da Covid-19 trouxe uma série de mudanças no dia a dia do clube e também do associado, por causa de regras previstas em decretos estadual e municipais, o Jaraguá Country Club suspendeu todas as suas atividades e manteve apenas os serviços essenciais para a manutenção do clube.

Diante disso, elaboramos perguntas e respostas para que todos os nossos associados conheçam as medidas que estão sendo tomadas pelo clube durante essa pandemia.

 

FECHAMENTO FINANCEIRO DO MÊS DE MAIO

A Diretoria do Jaraguá Country Club, sempre atuando de forma transparente e objetiva, compartilha com os associados os balanços financeiros em seu site oficial e alguns esclarecimentos após o fechamento do mês de maio de 2020.

Consulte aqui a documentação financeira atualizada:

https://jaraguaclub.com.br/index.php/clube-estrutura/diretoria

 

Como estão as receitas do Clube em 2020?

A Diretoria Executiva trabalha com o saldo acumulado do primeiro trimestre de 2020 na composição do fundo de reserva do Clube. Importante ressaltar que, em janeiro, parte da receita total refere-se aos pagamentos de taxa de condomínio no formato de anuidade.

Com a suspensão temporária do Alvará de Localização e Funcionamento em março de 2020, o Clube passou a analisar o resultado financeiro separados por Período Pré Pandemia (1º trimestre de 2020) e Período de Pandemia, que compreende os meses de abril e maio até a reabertura do Clube, ainda sem previsão.

O primeiro trimestre de 2020 demonstrou uma receita média de R$ 1.829.158,77 contra uma despesa média de R$ 1.366.719,12.

1º TRIMESTRE 2020 (Pré Pandemia)

NATUREZA

JANEIRO

FEVEREIRO

MARÇO

Média

Receitas totais

R$ 2.118.730,53

R$ 1.852.409,50

R$ 1.516.336,28

R$ 1.829.158,77

Despesas totais

R$ 1.604.363,14

R$ 1.408.750,98

R$ 1.087.043,24

R$ 1.366.719,12

*As receitas de condomínio demonstraram uma média de R$ 1.220.326,30

 

No mês de abril, as receitas totais tiveram uma queda de 60% comparada à média do período pré pandemia.

NATUREZA

JANEIRO

FEVEREIRO

MARÇO

ABRIL

Receitas totais

R$ 2.118.730,53

R$ 1.852.409,50

R$ 1.516.336,28

R$ 1.098.928,21

Despesas totais

R$ 1.604.363,14

R$ 1.408.750,98

R$ 1.087.043,24

R$ 1.317.883,83

 

Com todos os ajustes e adequações necessárias ao momento de pandemia, as despesas em abril cresceram fazendo com o que o saldo realizado no mês fechasse negativo (- R$ 218.955,62), impossibilitando ser transformado em bônus ao associado.  

A taxa de inadimplência média do condomínio no primeiro trimestre foi de cerca de 3%. Em abril, ela passou para 20%. As receitas de condomínio representaram 67% das receitas totais no primeiro trimestre, 93% das receitas totais de abril e 96% no mês de maio.

Esses números mostram a importância da continuidade dos pagamentos em dia pelos associados para a sobrevivência financeira e operacional do Clube.

O saldo financeiro entre as receitas e as despesas do mês de maio foi de R$ 5.517,11 - (praticamente empatamos).

Período de Pandemia

NATUREZA

ABRIL

MAIO

Média

Receitas totais

R$ 1.098.928,21

R$ 1.012.007,44

R$ 1.055.467,83

Despesas totais

R$ 1.317.883,83

R$ 1.006.490,33

R$ 1.162.187,08

*As receitas de condomínio demonstraram uma média de R$ 1.002.127,28

 

As receitas totais tiveram uma queda de 8% no mês de maio em comparação ao mês de abril e 55% comparada à média do período pré pandemia. Dentro das receitas totais, destaca-se que as receitas com aluguéis, academia e escolas de esportes tiveram uma queda significativa com o Clube fechado.

A taxa de inadimplência do condomínio em maio foi de 23%.

 

Há alguma despesa extra nesse momento?

No mês de maio, a eminente necessidade de melhorias no controle dos processos gerenciais do Clube fez com que a Diretoria Executiva desse sequência na manutenção dos sistemas de gestão e controle Alterdata e Quality, realizando aplicações de recursos em equipamentos e treinamentos para as equipes administrativas e operacionais ao longo do ano. Foi empenhado, em maio, o recurso de R$ 60.794,03 para a qualificação dos funcionários e a disponibilização de ferramentas adequadas para o trabalho, o que futuramente vai permitir à Diretoria poder redimensionar o efetivo de mão de obra dessas áreas.

Foram realizados pagamentos de contas em aberto junto à Copasa referentes a quatro meses da gestão anterior e aos primeiros dois meses da gestão atual com valor aproximado de R$ 73.000,00. O clube aguardava a renegociação e atualização de valores junto à empresa no que se refere ao serviço de coleta e tratamento de esgoto. Como não houve posição satisfatória ao longo do mês de maio, a Diretoria Executiva optou por liquidar parte dos débitos, ficando pendente ainda um valor aproximado de R$ 42.000,00 que será liquidado em junho de 2020.

As despesas de pessoal representaram 58% do total de despesas em maio, mesmo o Clube aderindo à Medida Provisória nº 936 de 1º de abril de 2020, que trata do Programa Emergencial de Manutenção do Emprego e da Renda, realizando com 66% dos funcionários a suspensão e/ou redução da jornada de trabalho.

 

Como ficam as taxas de condomínio a partir de junho?

A Diretoria Executiva entende que o saldo entre as receitas e as despesas do mês de maio - no valor de R$ 5.517,11 - não é o suficiente para ser transformado em bônus que atenda de forma satisfatória os associados.

Ao final do mês de junho, uma nova avaliação será realizada e indicando a possibilidade de ser gerado um bônus ao associado adimplente, será executado nos boletos de julho e em análise nos meses subsequentes.

Como até o mês de maio ainda não foi possível transformar o saldo entre receitas e despesas em bônus, a Diretoria conta com o associado para que ele mantenha em dia a taxa de condomínio e se compromete a realizar todo o esforço para fechar o mês de junho com o maior saldo possível e consequentemente convertê-lo parcial ou integralmente em bônus para os que estiverem adimplentes com o Clube.

A Diretoria agradece a compreensão dos sócios nesse momento inédito e complicado que estamos passando e conta com a colaboração de todos.

  

O Clube está realizado obras de manutenção e benfeitorias?

Apesar do momento atípico, o Clube continua trabalhando diariamente em sua manutenção e efetuando melhorias e benfeitorias para que, quando obter novamente o Alvará de Localização e Funcionamento, o associado possa ter a melhor experiência com uma estrutura mais preparada e renovada. Todas as ações estão sendo planejadas e executadas com segurança e preservando a saúde dos funcionários.

 

Como está a obra da quadra de squash?

A Diretoria Executiva tem a premissa de finalizar com agilidade todas as obras que foram iniciadas e não finalizadas em gestões passadas. Dessa forma, os associados poderão usufruir da estrutura em sua plenitude quando o Clube for autorizado a reabrir. Foi feito um investimento em maio e ainda acontecerão mais dois pagamentos, de aproximadamente R$ 15.000,00 em junho e julho, fechando o processo e concluindo a obra. (Empresa contratada: Engequadra)

 

Foram feitos investimentos na área da sinuca e na academia?

A Diretoria Executiva aplicou ao longo do mês de maio recursos para melhorias e adequações nos salões da sinuca, além da revitalização das mesas.

Já a academia passou uma série de melhorias para receber o associado de forma mais adequada na reabertura do Clube.

 

Porque há despesas na Diretoria de Atividades Sociais mesmo com o Clube fechado?

Em outubro de 2019 foi assinado o contrato para uma atração musical, de renome nacional, que se apresentaria na festa junina em 2020. Com a suspensão do Alvará de Localização e Funcionamento do Clube e após a análise do contrato assinado, a Diretoria Executiva optou por manter os pagamentos da atração, garantindo assim a agenda para 2021 e não sendo necessária nova despesa para a festa junina no próximo ano.

 

O que pode ser feito para os sócios que estão inadimplentes com o Clube?

Considerando que os associados inadimplentes não terão acesso ao bônus, previsto para julho de 2020, e considerando aqueles que de fato não tiveram condições de liquidar seus condomínios, a Diretoria Executiva encaminhará ao Conselho Deliberativo do Clube uma solicitação e pedido de autorização para flexibilizar os boletos vencidos de março de 2020 em diante em até 18 (dezoito) parcelas para regularizações até 15 de julho de 2020 e verificando também os mínimos custos de correção possível.  

 

Onde posso conseguir informações oficiais da situação do Clube neste momento de Pandemia?

Todas as informações oficiais do Clube são divulgadas somente no nosso site e em nossas redes sociais. Consulte sempre os canais oficiais do Clube para ter acessos às informações corretas.

Site Oficial: https://www.jaraguaclub.com.br/

Facebook: facebook.com/clubejaragua/

Instagram: @clubejaragua

 

Clique aqui e veja o primeiro perguntas e respostas divulgado.

Receba Informações e Notícias

Jaraguá News, Ano 22, Edição 17